DestaqueNotícias

Vítimas de acidente que matou 3 na BR-459 são sepultadas em Poços de Caldas e Cambuí, MG

Vítimas estavam em dois carros atingidos por carreta entre Pouso Alegre e Congonhal.

O casal que estava em um dos carros  atingidos pela carreta no acidente que envolveu cinco veículos e matou três pessoas na manhã de terça-feira (17), na BR-459, entre Pouso Alegre e Congonhal (MG), era de Poços de Caldas (MG). A outra vítima morava em Cambuí. Todas as vítimas foram enterradas nesta quarta-feira (18).

O velório de José Amadeu da Silva, de 67 anos e da esposa dele, Licemare Ferreira Gonçalves da Silva, de 65 anos, reuniu bastante gente. Os dois morreram ainda no local do acidente.

“Fatalidade, coisa que ninguém espera, mas da forma que foi, foi muito trágido, muito doloroso para a família, a família toda em choque, sofrendo muito, e agora é pedir para Deus confortar todos”, disse o sobrinho do casal, Tiago Ivan da Silva.

Uma passageira que estava em outro carro também morreu. Maria de Lourdes de Morais Silva, que era conhecida por “Dona Lurdinha”, tinha 71 anos e morava em Cambuí. O motorista da carreta que seguia no sentido a Poços de Caldas disse que perdeu o controle da direção.

“Me descontrolou a carreta, eu só consegui parar depois da curva, fui ver o que tinha acontecido, pensando que tinha pneu alguma coisa, já tinha pedaço de automóvel na carreta, aí retornei para ver o que tinha acontecido cheguei e já me deparei com o acidente, os quatro veículos, a colisão nos quatro veículos”, disse o motorista da carreta, Milton Aparecido Alves Borges.

A primeira versão passada pela Polícia Rodoviária Federal era de que a carreta atingiu os quatro carros envolvidos no acidente. Depois, a PRF concluiu que a parte traseira da carreta ficou atravessada na rodovia, atingindo os dois carros onde estavam o casal de Poços e a mulher de Cambuí. Uma van que seguia logo atrás tentou desviar, mas também bateu na carreta e em seguida bateu em outro carro que seguia na direção contrária. Chovia na hora do acidente.

“Em condições adversas, período noturno, chuva, neblina, o condutor deve redobrar a atenção, os cuidados, manter uma velocidade abaixo da normal, porque nessas condições, o perigo é iminente”, disse o chefe da PRF, Daniel Souza Vieira.

Além das três pessoas que morreram, outras sete ficaram feridas. Duas estavam na van da Funerária Municipal de Poços de Caldas, que levava um corpo para Itajubá. O agente funerário ficou preso às ferragens e foi socorrido de helicóptero para o Hospital Samuel Libânio, em Pouso Alegre.

Fonte
G1
Mostrar mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios