DestaqueGeralNotícias

Quase mil pessoas já buscaram por atendimento no CAC de Pouso Alegre durante a pandemia

Alex, veio ao centro de apoio ao cidadão da Câmara Municipal de Pouso Alegre na manhã desta quinta-feira, 28 de maio, para pedir a segunda via do RG. Ele é uma das quase mil pessoas que procuraram por atendimento no CAC durante o período de pandemia da Covid-19. Além de manter todos os serviços funcionando o órgão ainda incorporou outros atendimentos como o auxílio emergencial para prestar ajuda à população, só para esse caso foram 294 atendimentos.

Além disso, o CAC continua contribuindo com as empresas que necessitam de fazer contratação de funcionários. Além de fornecer o banco de currículos que possui em parceria com a Acipa, o órgão oferece o espaço para realização do processo seletivo e treinamento dos contratados, nos últimos dois meses 13 empresas foram atendidas.

Segundo o Presidente da Casa, vereador Rodrigo Modesto a permanência do serviço do CAC durante a pandemia foi essencial para a necessidade da população enquanto outros órgãos interromperam ou diminuíram suas atividades.

Mostrar mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios