fbpx
DestaquePolicial

Pai espanca bebê de 3 meses até a morte em Andradas, sul de Minas

Yago Lourenço um bebê de 3 meses de vida foi assassinado pelo próprio pai na última terça-feira (26) na cidade de Andradas, sul de Minas Gerais. Segundo depoimento da mãe da criança a Polícia Civil Carolina Lourenço Cândido, de 19 anos, o pai Alexandre Montanholi, de 23 anos, foi o responsável pela morte da criança.

Imagem Hazu!

De acordo com depoimento da mãe à Polícia, o pai bateu por mais de duas horas na criança e o arremessou contra o sofá. O resultado do exame de necropsia constatou várias fraturas no bebê. “O bebê sofreu traumatismo craniano quando o pai o arremessou contra o sofá. Ele também sofreu várias joelhadas e ficou com vários hematomas pelo corpo, além de quatro costelas quebradas”, informa o exame de necropsia.

Segundo o depoimento da mãe, a criança chorava muito, porque tinha muita dor abdominal, que é o comum pela idade da criança. Ainda segundo o depoimento da mãe, ele teria se estressado [palavras dela], com o choro continuo da criança”, ressaltou a delegada responsável pelo caso Michele Rocha.

Logo depois de matá-lo, os pais levaram o bebê para o hospital, onde foi constatado pelos médicos que Yago já estava morto e não por causas naturais.  Enquanto esperavam para saber se o filho estava bem, o casal postou mensagens de luto nas redes sociais. “Hoje o dia amanheceu muito triste. Acabei de perder meu filho”, escreveu a mãe.

Alexandre e Ana Carolina, estão presos no presídio de Andradas.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
error: Conteúdo protegido !!