Destaque

Morre Chadwick Boseman, astro de ‘Pantera Negra’, aos 43 anos

Ator, que representou personagens marcantes da cultura negra americana, recebeu diversas homenagens.

Morreu em Los Angeles, na Califórnia, o ator Chadwick Boseman, o astro de “Pantera Negra” no cinema. Ele tinha 43 anos.

Carisma, força, gentileza, Chadwick Boseman teve uma carreira curta, mas sempre brilhou. Antes de seu papel mais conhecido, em “Pantera Negra”, ele representou no cinema vários pioneiros entre os negros americanos.

Começou com o primeiro jogador de beisebol negro, Jackie Robinson, no filme “42, a história de uma lenda”. Boseman foi uma revelação. Quase sempre em silêncio, ele passa a força do personagem.

Este ano, Boseman criou o programa “Operação 42”, o número com o qual Jackie Robinson jogava, para ajudar hospitais que servem à comunidade negra na pandemia.

Ele também representou o cantor James Brown, no filme de mesmo nome, e Thurgood Marshall, o primeiro juiz negro na Suprema Corte, em “Marshall: Igualdade e Justiça”.

Em 2016, Boseman foi diagnosticado com câncer de cólon no estágio 3, uma das fases mais avançadas. E foi aí, em meio a internações para cirurgias e quimioterapia, que a carreira dele decolou.

Foi quando a Marvel o escolheu para o papel de Pantera Negra no filme “Capitão América: Guerra Civil”.

Em 2018, o personagem ganhou seu próprio filme, “Pantera Negra”, um grande sucesso no mundo todo, que faturou mais de US$ 1 bilhão. Boseman é T’challa o rei de Wakanda, um país fictício na África.

.

Mostrar mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios