DestaqueNotícias

Mais de 340 funcionários são demitidos em Machado

Fábrica que atuava na cidade há 15 anos fechou as portas

Após 15 anos de atuação, um fábrica de calçados fechou as portas e demitiu 345 funcionários em Machado (MG). Em comunicado, empresa anunciou que decisão foi necessidade de reestruturação. Segundo o gerente que também foi demitido, um acordo entre a fábrica e a prefeitura poderia ter evitado o fechamento. O assessor de Planejamento da Prefeitura Bruno Paiva, a administração já está em buscas de novas empresas.

As portas foram fechadas nesta quarta-feira (11), e pegou todo mundo de surpresa. A empresa que tem a matriz localizada em Franca (SP), informou que a decisão foi uma necessidade de reestruturação em suas plantas produtivas. A fábrica Ferracini possui quatro unidades de produção, a única fechada foi a de Machado.

“O motivo é estratégico como sempre. A empresa é privada, a economia mista, a gente tem logicamente planos estratégicos, tem que ter reestruturação para se manter dentro do mercado, que é muito competitivo. E dentro desse estudo, logicamente, se decidiu que essa planta aqui no momento não convinha se manter mais”, disse o gerente da unidade, Walson de Oliveira.

Segundo o assessor de planejamento municipal o local e a mão de obra já qualificada será utilizado em novas empresas que virá para a cidade. “Para ocupar aquele espaço físico da Ferracini, já tem uma mão de obra qualificada no município, mais de 300 funcionários treinados, então a gente está correndo atrás nesse exato momento para trazer empresas para o município”, afirmou Bruno Paiva.

Mostrar mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios