DestaqueGeralPolítica

Justiça define novo prefeito após candidato eleito ter morrido na véspera da eleição

Henrique Nogueira Gonçalves (MDB) é o atual vice-prefeito e também era o nome solicitado pela coligação para substituir Antônio Claret Mota Esteves (PV), que morreu um dia antes de ser eleito em Passa Quatro (MG).

A Justiça Eleitoral definiu nesta sexta-feira (27) que Henrique Nogueira Gonçalves (MDB) é o novo prefeito de Passa Quatro (MG). A eleição na cidade estava indefinida  após o candidato eleito no dia 15 de novembro ter morrido na véspera do pleito.

O Partido Verde chegou a fazer o pedido de substituição de Antônio Claret Mota Esteves (PV) no dia da morte dele, mas as urnas já estavam lacradas. Ele morreu no dia 14 de novembro e foi reeleito para o cargo com 60,8% dos votos válidos um dia depois.

A Justiça Eleitoral precisou decidir, então,  se os votos recebidos por Claret iriam para o indicado pela legenda ou para o segundo colocado no pleito. Havia ainda a possibilidade de nova eleição ser realizada.

O juiz eleitoral de Itanhandu (MG), Ronaldo Ribas da Cruz, deferiu, nesta sexta-feira, pela transferência dos votos para Henrique Nogueira Gonçalves (MDB), que agora é o novo prefeito de Passa Quatro.

Novo prefeito

 

Henrique Gonçalves era o vice-prefeito de Passa Quatro e assumiu o cargo de maneira interina depois Claret ser internado após sofrer o infarto. Antônio Claret ficou hospitalizado por duas semanas e faleceu.

“Sou vice do Claret e nesses quatro anos, de muita amizade e cumplicidade, a gente fez pela cidade muitas obras, melhorias na saúde. Tomando posse, uma vez eleito, nós vamos manter esse legado que ele deixou”, disse Henrique Gonçalves, enquanto ainda aguardava a definição do caso.

O vice de Henrique Gonçalves para o mandato 2021/2024 é Marco Torres (PV), que também aguardava a definição depois de ser escolhido para a nova chapa.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios