fbpx
Policial

Homem armado é preso após fazer morador de rua refém

Um homem armado, acuado pela polícia, fez um morador de rua refém na manhã de hoje (6) no Centro do Rio. Ele foi surpreendido pela polícia na suposta tentativa de assalto.

O crime aconteceu na altura da Rua Benedito Hipólito, na Cidade Nova, que chegou ser interditada ao trânsito por uma hora às 9h de hoje.

Pelo twitter, a Polícia Militar (PM) informou que o Batalhão de Operações Especiais (Bope) havia sido acionado para “uma ocorrência com refém na Av. Presidente Vargas, no Centro do Rio”. O trânisto chegou a ser interditado com reforço dos batalhões que atuam na área.

“Por conta da ação da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro – @PMERJ – o trânsito foi interditado no trecho próximo ao CEDAE. Atenção na região!”, dizia a PM pelo Twitter. Houve acordo com o assaltante, que chegou a apontar a arma para a própria cabeça ameaçando se matar.

Após negociação, a equipe do Bope conseguiu imobilizar o homem, que ficou ferido com um tiro na perna efetuado pelo capitão do Bope que comandou as negociações.

Segundo o Twitter da PM, o homem foi rendido pelos policiais e “está sendo conduzido ao hospital pela ambulância do SAMU”. O caso foi registrado na 5ª Delegacia policial.

A PM limitou informar sobre o andamento da ocorrência pelo Twitter.

Agência Brasil

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.