DestaqueEsportes

Filho de são-gonçalense disputa quartas de final do Campeonato Brasileiro Sub-20

Fabinho é o maior vencedor das categorias de base do São Paulo desde 2005, e já atingiu 12 troféus com a camisa do Tricolor

São Paulo e Corinthians se enfrentam nesta quarta-feira, às 16h, pelo jogo de ida das quartas de final do Campeonato Brasileiro Sub-20, no Morumbi. Além da rivalidade entre as equipes, outro duelo será interessante ser visto dentro de campo.

Fabinho, do São Paulo, e Nathan, do Corinthians, são sensações da competição e dos seus clubes. Atacantes, eles já atingiram marcas pessoais expressivas e podem aumentar ainda mais seus números.

O são-paulino pretende aumentar ainda mais seu vasto currículo de títulos. Ele já tem 12 com a camisa do Tricolor. E o corintiano vai atrás do seu gol 50 com a camisa alvinegra.

Maior vencedor da base

Fabinho já entra em campo como o maior vencedor das categorias de base do São Paulo desde 2005, quando o CT de Cotia foi inaugurado. Com o título da Copinha deste ano, ele atingiu 12 troféus com a camisa do Tricolor.

Desde 2013 na base do clube, o jogador recebeu sua primeira oportunidade no time profissional apenas este ano. Ainda com o técnico Cuca, ele passou a treinar na equipe principal e foi utilizado no duelo contra o Internacional, pela 18ª rodada do Brasileirão, ao entrar aos 32 minutos do segundo tempo.

Com uma grande número de atacantes no elenco, Fabinho voltou a atuar no time sub-20 e ajudou o São Paulo a chegar nas quartas de final do Brasileirão da categoria.

Nesta temporada, o atacante já fez 45 jogos, marcou 17 gols e deu sete assistências. Avançar para as semifinais é manter a esperança de aumentar ainda mais o currículo de títulos.
Com 20 anos completados no dia 18 de novembro, Fabinho faz seu último ano nas categorias de base. A conquista do Brasileirão Sub-20 também pode ser uma vitrine para que ele faça parte do elenco profissional de 2020.

(Informações Globo Esporte)

Mostrar mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios