Internacional

EUA afirmam que míssil norte-coreano não foi disparado de submarino

O Departamento de Defesa dos Estados Unidos (EUA) afirma que o míssil lançado pela Coreia do Norte, na quarta-feira (2), parece ter sido disparado de uma plataforma com base no mar e não de um submarino.

O porta-voz do Estado-Maior das Forças Armadas, o coronel da Força Aérea, Patrick Ryder, disse à imprensa nessa quinta-feira (3) que tudo indica que se tratava de um míssil balístico de curto a médio alcance.

Ryder disse ainda que o míssil teria sido lançado a partir de uma plataforma ao largo da cidade de Wonsan, no leste do país, e que sobrevoara cerca de 450 quilômetros de extensão, antes de cair no Mar do Japão.

Esta foi a primeira vez que os Estados Unidos divulgaram sua análise.

Ryder não esclareceu a posição americana sobre o tipo do míssil disparado.

O porta-voz do Pentágono, Jonathan Hoffman, informou que o secretário de Defesa, Mark Esper, falou por telefone com o secretário japonês, Taro Kono, no mesmo dia.

O porta-voz acrescentou que os dois chefes de Defesa concordaram que os testes norte-coreanos foram desnecessariamente provocativos e que o país deveria parar com essas mobilizações.

*Emissora pública de televisão do Japão – Agência Brasil

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios