Geral

Coronavírus: Arquidiocese de Pouso Alegre envia decreto a paróquias.

Arquidiocese de Pouso Alegre envia documento a todas as paróquias que regem o território arquidiocesano. Arcebispo convida sacerdotes a realizarem rito missal romano, "Missa celebrada sem povo". Eventualidades da Semana Santa estão suspensas. 

Em documento divulgado no dia de hoje (17/03), o arcebispo Dom José Luiz Majella Delgado assinou o decreto em que suspende atividades litúrgicas, com pequenas exceções, por um período de 30 (trinta) dias, devido ao alerta de vigilâncias sanitárias e também por entender a gravidade da proliferação do coronavírus. Entretanto, igrejas estão liberadas a realizarem atividades de extrema importância com muita responsabilidade. Missas, catequeses, crismas, reuniões entre outras tarefas religiosas, necessitam de adiamento por não se tratarem de urgência. Quanto a celebrações litúrgicas, as missas, o arcebispo assinante do documento, convida sacerdotes para que realizem o evento  sem a presença populacional, conhecida como rito missal romano, “Missa celebrada sem povo”, e desta forma a igreja evite promover aglomerações de pessoas.

Com as ordens acatadas, todos ficarão conscientizados quanto a pandemia em que o mundo está vivendo. Neste período de 30 dias em que o documento exige suspensão de atividades que podem aguardar um outro momento oportuno, a Semana Santa também está inclusa na decisão juntamente com suas manifestações.

O decreto entra em vigor nesta quarta-feira (18/03).

 

 

 

 

 

Texto: Gabriel Couto

Mostrar mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios