DestaqueGeralSaúde

Com 5 casos suspeitos, região oeste acende alerta para novo coronavírus

Mais um caso suspeito do novo coronavírus (COVID-19) foi registrado em Barueri nesta semana. O paciente seria um francês que deu entrada no Pronto-Socorro da cidade, o Sameb, na noite de terça-feira (3). O homem segue internado no Hospital Municipal, com pneumonia bilateral, e sem previsão de alta.

Barueri conta ainda com uma outra ocorrência suspeita, totalizando duas. Esta foi divulgada na segunda-feira (2) em boletim da Secretaria de Estado da Saúde. Segundo a administração municipal, neste caso, o paciente é um homem, de 30 anos, que viajou para a Itália. Ele está em isolamento domiciliar desde o dia 26 de fevereiro.
“Ele passa bem e apresenta tosse e dor de garganta. Estamos aguardando os resultados dos exames”, disse em nota. Na região, há ainda mais três casos suspeitos da doença, de acordo com a Secretaria de Estado. Dois deles seriam em Cotia e um em Osasco.

Casos confirmados
Na tarde desta quinta-feira (5), o Ministério da Saúde atualizou para oito o número de casos confirmados do novo coronavírus no Brasil. Na quarta-feira (4), eram três.

Os casos estão distribuídos em três estados diferentes: seis em São Paulo, um no Rio de Janeiro e um no Espírito Santo.
Em relação às ocorrências da capital, os pacientes são um homem de 61 anos que retornou de Turim, um de 32 anos que chegou de Milão, um de 46 anos que esteve na Itália e uma adolescente de 13 anos, sem sintomas, que esteve na Itália. O quinto e sexto caso não tem histórico de viagem, mas estiveram em contato com o primeiro paciente diagnosticado com a doença, o que configura a chamada transmissão local.
Mesmo assim, João Gabbardo dos Reis, secretário-executivo do Ministério da Saúde, afirmou que não há registro de transmissão “sustentada” ou “comunitária”, que é quando o vírus circula indiscriminadamente.
O Ministério da Saúde revelou ainda que um outro caso deu positivo no Distrito Federal, mas aguarda contraprova para confirmação ou não do resultado.

Cenário
Ainda acordo com o Ministério da Saúde, 636 casos suspeitos de coronavírus estão sendo acompanhados pelo órgão. O número é 30,32% maior do que o anunciado na quarta-feira (4), quando eram 488. Só no Estado de São Paulo, são 182 monitorados.

Prevenção
Para evitar a proliferação do coronavírus, o Ministério da Saúde recomenda medidas básicas de higiene, como lavar as mãos com água e sabão, utilizar lenço descartável para higiene nasal, cobrir o nariz e a boca com um lenço de papel quando espirrar ou tossir e jogá-lo no lixo e evitar tocar olhos, nariz e boca sem que as mãos estejam limpas.

Fonte
Folha de Alphaville
Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios