Esportes

Brasileiras sofrem primeira derrota na Copa do Mundo de Vôlei

A Seleção feminina amargou nesta manhã, seu primeiro revés, em jogo pela terceira rodada Copa do Mundo de Vôlei, na cidade de Hamamatsu, no Japão. A equipe, que vinha de duas vitórias –  superou a Sérvia, bicampeã europeia, e a Argentina – enfrentou uma batalha dura contra a Holanda: a equipe adversária venceu por 3×0, parciais de 25/23, 25/21, 25/ 22. Com a derrota, a seleção comandada pelo técnico José Roberto Guimarães permanece com cinco pontos, em quinto lugar na classificação geral, atrás da líder China, com nove pontos. A seleção brasileira busca o título inédito na competição que, pela primeira vez, não credencia a vagas nos Jogos Olímpicos.

O grande destaque da partida foi a oposta Lonneke Sloetjs: sozinha a holandesa foi responsável por 25 pontos. Entre as brasileiras, a maior pontuadora foi a jovem Lorenne, com 13 pontos; em seguida, as ponteiras Gabi e Drussyla marcaram 12 pontos cada. O Brasil entrou em quadra com Gabi, Lorenne, Fabiana,Drussyla, Bia, Macris e Léia (líbero) e ao logo da partida, Sheilla, Amanda, Carol e Roberta também atuaram.

A Holanda impôs seu ritmo de jogo nos dois primeiros sets, e se aproveitou das falhas no bloqueio brasileiro: foram apenas quatro pontos neste fundamento, bem distante do bom retrospecto da equipe brasileira nos dois primeiros jogos: foram 16 pontos ganhos no bloqueio no duelo contra a Sérvia, e 15 contra a Argentina.

As brasileiras esboçaram uma reação no início do terceiro set: chegaram a abrir vantagem de quatro pontos, mas acumularam erros na defesa e levaram a virada no placar.

Na próxima rodada, nesta quarta-feira (18), às 6h (horário de Brasília), o Brasil encara o Quênia. A Copa do Mundo reúne 12 seleções, que jogam por pontos corridos. A competição prossegue até o final de setembro.

Fonte
Agência Brasil

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios