DestaquePolícia

Cerca de 54 carretas e bitrens carregados de combustível foram fiscalizados nesta quinta-feira (30) em um operação conjunta entre o Ministério Público Estadual, a Polícia Rodoviária Federal e a Receita Estadual. O ponto de fiscalização foi montado no Posto de Fiscalização da Polícia Rodoviária Federal, no quilômetro 871, em Pouso Alegre. Foram vistoriadas notas fiscais e documentos relativos ao transporte de produtos perigosos.

O foco da operação é coibir o transporte ilegal de produtos derivados de petróleo e etanol anidro, com origem na região de São Paulo e com destino ao Rio de Janeiro, com notas fiscais sem lastro ou falsificadas.

Durante a operação desta quinta, não foi encontrada nenhuma irregularidade nas 54 carretas de combustível abordadas que merecessem a apreensão das cargas ou condução dos motoristas.

Apreensão de carga

Um bitrem foi abordado e apreendido transportando cerca de 45 litros de etanol semana passada e por meio da nota apresentada pelo motorista ficou constatado que o veículo fazia um itinerário diferente do informado na documentação. A carga avaliada em R$ 162 mil foi apreendida e o motorista foi conduzido à delegacia. Ele foi ouvido e liberado em seguida.

Segundo a PRF, o motorista foi detido por suspeita de crime fiscal de inserção de informações falsas ou fraudar documento fiscal, e suspeita de reutilização da nota fiscal, pois a mesma foi emitida em 07/01/2020, sendo que a abordagem foi no dia 18/01/2020.

A Polícia Civil abriu um inquérito para apurar os crimes contra ordem tributária e as relações de consumo, e formação de quadrilha, devido à complexidade da operação.

 

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
%d blogueiros gostam disto: