Menu
minas_brasil_tabacos.jpg

Prefeito de Elói Mendes é cassado pelo TRE/MG e ex-prefeito Natal Cardorini fica inelegível Destaque

Prefeito de Elói Mendes é cassado pelo TRE/MG e ex-prefeito Natal Cardorini fica inelegível

O prefeito de Elói Mendes William Cardorini, foi cassado na noite desta terça-feira (18), pelo Tribunal Regional de Minas Gerais – TRE-MG.

O prefeito foi julgado juntamente com o ex-prefeito Natal Cardorini, por suposta propaganda irregular durante o período eleitoral em 2016. Segundo informações, a relatora pediu a cassação do prefeito e a inelegibilidade do ex-prefeito. Ainda segundo informações, mesmo o processo tendo sido interrompido com o pedido de vista do último desembargador a votar, a cassação do prefeito é irreversível, haja vista que todos os outros já votaram a favor.

O Ministério Público havia entrado no ano passado com pedido da cassação da chapa do prefeito. O MP acusa o prefeito eleito, William Cadorini, de ter utilizado de recursos públicos de maneira espúria, promovendo shows gratuitos para a população, poucos dias antes das eleições 2016. A apresentação da dupla Fernando & Sorocaba na 12ª EXPOEM teria custado R$ 175 mil. Ainda de acordo com a denúncia, painéis com o número da chapa, 12, eram expostos durante o evento, apresentando nítida conotação política do evento, bem como a utilização das cores de campanha, amarelo e vermelho.

Já o ex-prefeito Natal, sofria uma ação que pedia sua inelegibilidade. Ele, que em 2016 foi candidato a prefeito em Varginha, teria utilizado imagens do evento realizado em Elói Mendes, em suas inserções de propaganda eleitoral na TV regional. Para o Ministério Público, tais manobras dos candidatos visaram vantagens, desiquilibrando a disputa eleitoral.

Última modificação emQuarta, 19 Abril 2017 21:37

Comentar usando o Facebook:

voltar ao topo

logo sapuca

 

Últimas Notícias

  • 1
  • 2
  • 3
Prev Next
Info for bonus Review bet365 here.

Whatsapp banner