Menu
ouro_velho_site.jpg

Quem é a única mulher que morreu em submarino argentino Destaque

Marinha confirmou que não há sobreviventes em embarcação desaparecida. (Facebook/Reprodução) Marinha confirmou que não há sobreviventes em embarcação desaparecida. (Facebook/Reprodução)

 

Entre os 44 tripulantesa bordo do submarino ARA San Juan e que tiveram a morte confirmada pela Marinha argentina nesta terça-feira (5), havia uma única mulher. Eliana María Krawczyk, de 34 anos, foi a primeira oficial submarinista da América do Sul, desde 2012, e atuava como chefe de operações no submarino. Ela comandava desde o controle das armas da embarcação até a manobra de amarração.

Em um vídeo divulgado no ano passado, ela relata que ingressou na Escola Naval Militar em 2008 e se apaixonou pelos submarinos em uma visita a cidade de Mar del Plata, onde ficam ancorados os submarinos da frota argentina. “Fui a Mar del Plata para jurar a bandeira, embarquei em um dos submarinos e me dei conta de que queria ser submarinista”, contou.

Comentar usando o Facebook:

voltar ao topo
objetivo.jpg

logo sapuca

 

cia medica

Info for bonus Review bet365 here.

Whatsapp banner